domingo, 5 de julho de 2009

Coração em compasso de espera.

E juntamente porque há sorte, há a felicidade dos encontros. Espelhos. Ele é todo feito de um olhar doce, de um caminho de moço menino. Penso na sua infância como um abraço de cuidar misturado ao olhar de criança madura. Acho que ele nunca soube fechar os olhos. Ainda que as pestanas pesassem, haveria sempre os outros... Ah! Seus outros olhos... Encarava em sorriso, quase mais janela que o cercado feito de cílios. Ou ainda outro, o olhar sem moldura, uma sede de mundo sem pálpebras, criado quando os fechava quieto buscando estrelinhas no sol a pino. Essa serenidade inventada eu bem que roubava pra mim. Roubava não, emprestava a juros, faria bom uso, tomava seus olhos por usucapião. Gosto de saber desse menino, ouvir cantar doce sua fala, me acalentando em seu cotidiano de mundo-novo-todo-dia. Muda em barco de madeira cheirosa, às vezes em chuva. Sempre seu sorriso, luz permanente de cor quente azulada. De presente, todo dia, lhe daria azuis em muitos tons, mãos dadas e um olhar compenetrado em colorir a cidade.

O seu olhar melhora o meu. Nunca esqueça disso.

4 comentários:

.Intense. disse...

'o seu olhar melhora o meu'.


e graças aos olhares que melhoram os seus, Yasha, a gente pode se deliciar com as coisas lindas que vc escreve, que escorre pelas pontas dos dedos, tão essência - não deixei que ninguém sequer atrapalhe toda sua arte aqui no Labirinto. falando nisso, que lindo lay hein? uau. e esse não dá aflição

=s

obrigada pela delicia e pela beleza dos seus textos nos meus dias, Yasha...e não só os textos, mas tb as letras, as músicas...que tanto me salvam - vc não faz idéia - nos dias q eu qro sumir!

teadorointenso!
;*


ps.: em compasso de espera tb! \o/

Danila :) disse...

muito bom... adoro olhos, olhares. =)

Caféína disse...

Nossa, tô aqui de queixo caído com o que você escreveu! Vamos conversar sim, muito mais vezes. Pega meu MSN com a Intense. Eu também te leio sempre, mesmo sem ás vezes comentar. E adoro tudo por aqui.
Obrigada por suas doces palavras, lá nome post e aqui no seu blog!

Gabriela disse...

Que texto bonitinho. Espero que ele tenha lido. ;)