domingo, 25 de outubro de 2009

Porque é intenso e transborda.

Ei, você que passa por esse caminho, leve um recado meu pra uma moça de lá. Quando a vir saberá no mesmo instante sobre quem lhe falo, é a flor mais brilhante que haverá na estrada. Ela respira girassol e coragem, ela perfuma todo aquele chão de terra e de casinhas de sapê. Você que me ouve, lembre-se de mim quando chegar lá, e quando encontrá-la andando com urgência - com aquele seu ar de ocupada demais - respire forte para chamar sua atenção (ela sempre está atenta), e quando ela levantar os olhos desconfiados pra depois desviar, dê altura suficiente a tua voz e diga a ela que as estrelas, enfim, resolveram sorrir em sua direção. Diga que as flores de plástico do jardim morreram mesmo e aquilo que ela vê agora são flores de verdade, desabrocham, mas não morrem. Diz a ela que o cenário de madeira-papel-e-cola deu lugar a uma paisagem-colorida-e-linda, e que os desertos agora são campos de orquídeas e de margaridinhas brancas. Diz que o último soluço do choro de ontem foi mesmo o estímulo do primeiro riso eterno, que a Felicidade resolveu lhe dar boas-vindas de manhã até que se acabem todas as manhãs de sua vida, e que todos os dias a própria felicidade sente saudades dela. Diz pra ela que as lagartas já não usam asinhas de arames com papel celofane pra contracenar bons momentos e que aqueles encantos sobrevoando ao seu redor são borboletas de verdade, acabaram-se os móbiles. Diz que a água agora é límpida sim, e que todo o esforço valeu a pena, que tudo ficou bem. Diz pra essa flor que o que ela ta vendo agora é realidade.
Diz pra ela que o Amor chegou, enfim.


* Dedicado a alguém que sabe do excesso e do intenso.

6 comentários:

Ni ... disse...

Quero roubar um cadinho desta felicidade toda pra mim,posso? rs

E como gosto de te ler...

Beijo e mais beijos

a n d r é a disse...

Quando a gente quer a felicidade, nem precisar sair pra procurar, ela simplesmente está no nosso lado, e a gente ver..."mais cego é aquele que não quer enxergar..." adorei o textinho. E o seu lá no meu canto...sério não ficou chateada?Vou te confessar, qd não tenho nada pra fazer fico lendo seu blog. =D

Montão de beijooos

.Intense. disse...

Pros lado de lá, ninguém foi ainda - acredito eu. Mas a menina deve ter lido no vento, suas palavras – como se escritas em pedaços de papelão, bem grande, e levantadas no alto pra que de longe fosse visto – chegando como música. Talvez ela não esperasse tanto, nem tão fundo, ou tão excesso e intenso, e tenha chorado durante o dia, mesmo sentada na mesa do trabalho – de alegria insuspeita. Como pode, alguém tão longe (e tão perto!) intuir tão certo esse medo maluco, de que o cenário seja plástico, seja falso, e pegue fogo de repente – qdo um sorriso mais feliz provocar faíscas no rosto e causar curto-circuito. Como? Ela ficará por entender. Mas com certeza, Yasha, acatará suas palavras. E lembrará sempre que for preciso: é real, é verdadeiro. E, o principal: que o amor veio mesmo pra ficar.

*.*

Mas, sabe oq mais mais mais me lembrou esse post?

“Palavras: tenho que escolher a mais bonita, pra poder dizer coisas do coração...da letra e de quem lê toda palavra escrita, rabiscada no joelho, guardanapo ou chão – ponto, pula a linha, travessão.E a palavra vem...”

Essa música parece escrita pra ti, Yasha, pra sua delicadeza, seu tom musical, e seus olhos brilhantes...

Silvana Nunes .'. disse...

Maravilha o seu cantinho.
Na intenção de divulgar o meu trabalho, cheguei até você.
Gostei muito do seu espaço. Eu não estou podendo ler tudo de uma vez porque a tela do computador atrapalha um pouco a minha visão, mas certamente voltarei mais vezes. O meu oftamologista pediu que desse um tempo da telinha... e eu sou fraca ?
O meu território já está demarcado.
Convido a dar uma espiada em "FOI DESSE JEITO QUE EU OUVI DIZER.." ( o seu cantinho de leitura), em:
http://www.silnunesprof.blogspot.com
Terei sempre uma história para contar.
Saudações Florestais !

Dayane disse...

Como você é linda por entre as palavras, me fez bem cada pedacinho

Caféína disse...

Deus do Céu, que coisa mais linda e verdadeira!!!!!