domingo, 10 de janeiro de 2010

"Tenho em mim todos os sonhos do mundo"

Sobre o chão, as cinzas de mais um dia, o verde, o colorido, a alegria. Quem me dera ter o mundo, mas o mundo cabe embaixo dos meus pés. E essa alegria, essa felicidade, essa paz que me invade em um instante e não passa, não dói, não cansa. Culpa sua, todos os meus sorrisos, culpa sua, todas as minhas melhores músicas, culpa sua, eu ser assim. Pode ser que seja amor, e se não for, valeu.

Lembram das minhas botas pesadas?
Eu disse que faria por onde minhas botas ficarem leves, bem leves, ao contrário da consciência de alguns... Eis que fiz! Elas estão tão leves que eu quase consigo flutuar, tal e qual as flores ao vento. Passei não só em um, mas nos dois vestibulares. E, sem dúvida, digo que foi a minha melhor sensação já vivida, só sentindo para saber. Ainda me resta a dúvida sobre qual curso seguir, mas como eu mesma disse naquele agosto: "Eu nunca gostei do fácil". [Espero fazer a escolha certa].



E novamente digo: O olhar que vê além do óbvio não se acomoda na estrada dura da vida. Corre entre pedras como rio, criando percursos, se desviando por entre as brechas do impossível, sem jamais perder a fluidez. Flutuamos, flores ao vento. Algumas se perdem, outras rebrotam quando acham pouso em solo generoso. Tentamos concretizar o impalpável e tocar o invisível do que é sólido. Traçamos rotas e linhas e com ela fazemos o nosso bordado, que tapa os buracos inevitáveis do delicado tecido dos dias.

4 comentários:

Dayane disse...

Parabennnnnnns de novo. Deve ser uam sensação muito boa mesmo. Certamente fará a escolha certa. Pense, reflita.. E em gênero, número e grau concordo quanto as coisas fáceis.

Texto bem escrito. Gostei.

Beijos

devaneadora disse...

parabéns por ter sido aprovada nos vestibulares, merecido.
E gostar do que é fácil não é mesmo uma opção que chama atenção, e espero que a sua escolha seja certa mas se não for terás tempo para decidir, certo?!
Adorei o texto, como sempre lindo.

Beijos

Paula disse...

Caramba vc...MEUS PARABÉNS! Fiquei muito feliz quando li. Afinal, a cada dia que se passa, os seus textos ficam mais bonitos.

Vanessa M. disse...

Só quero dizer uma coisa aqui: sucesso!